Leia
Home / Amazonas / Governador do Amazonas sugere que usuários do sistema de saúde peguem taxi para buscar atendimento

Governador do Amazonas sugere que usuários do sistema de saúde peguem taxi para buscar atendimento

Na manhã de hoje (01), o Governador José Melo, que anda se esquivando da imprensa, reapareceu em uma entrevista gravada, concedida a uma rede rádio da capital. O tema da entrevista foi o chamado “reordenamento da saúde”, que segundo o Governo visa economizar recursos e alavancar o atendimento aos cidadãos, mas que na prática está fechando unidades como CAICs, CAIMs, SPA´s e Maternidades em várias zonas da cidade, daí a dificuldade do executivo estadual em justificar mudanças tão bruscas.

Em um tom muito próximo do apresentado durante a campanha eleitoral de 2014, quando José Melo se apresentava sempre de cabeça baixa, falando compassadamente, demonstrando humildade, José Melo tentou vender a ideia de que a crise econômica o forçou a tomar as medidas que classificou de “remédio amargo”. Melo ainda tentou tirar de sí a “culpa” pela ideia. “Quem deu essa ideia foi o Secretário Pedro Elias, não eu”, disse.

Durante a entrevista, o Governador comparou os efeitos da crise no Amazonas ao caso de um pai de família que teria pedido seu emprego e conseguido um emprego com salário menor, e que por este motivo, teve que deixar cortar vícios como a cervejinha de lado para manter sua família. A comparação é plausível, mas a “cervejinha” do Governo seria a
Saúde Pública?

O Portal da Transparência do Governo do Amazonas demonstra os gastos dos recursos público e em uma rápida pesquisa, o Portal Baré constatou que apenas com “Aluguel de Aeronaves” e serviços afins, ente janeiro de 2015 e maio de 2016, já foram pagos mais de sessenta e sete milhões de reais, exatos R$ 67.556.296,78. Não seria mais apropriado iniciar a economia por setores menos prioritários como o da aviação?

Mesmo sem ter sido confrontado pelo jornalista que o entrevistava, o Governador cometeu alguns deslizes, o que chamou mais a atenção dos ouvintes foi a sugestão de que os moradores das comunidades próximas às unidades que serão extintas, utilizem o serviço de taxi para se deslocarem até unidades em outras localidades.

Share This:

  • Carlos

    Absurdo o que Melo está fazendo para as pessoas do Amazonas, nunca tivemos um governador tão ruim quanto ele.

  • Deborah Teixeira

    Lamentável sr. Governador

x

Veja Também

Luiz Castro propõe política de moradia de interesse social

O Governo do Estado investe míseros 0,03% do Orçamento em habitação no ...